40º Conubes

Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook

40º Congresso Nacional da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas

Com eleição nas escolas, congresso que acontecerá em novembro será o maior já registrado na história da entidade

Convocado para acontecer entre 28 de novembro a 1 de dezembro de 2013, o 40º Congresso Nacional da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES – o Conubes, acontecerá com estudantes de todo Brasil. O chamado para o principal fórum deliberativo do movimento estudantil foi feito em caráter democrático de votação realizado pelas entidades municipais e estaduais durante o 14º Conselho Nacional de Entidades Gerais (Coneg) que aconteceu na primeira semana de setembro.

O Conubes, como fórum máximo de deliberação será responsável por debater e aprovar as resoluções que orientarão as ações da entidade na próxima gestão, além de eleger a nova diretoria à frente da UBES no próximo biênio. Durante as discussões realizadas com estudantes de todo o país, foi aprovado durante o Coneg um novo formato de eleição de delegados para o Congresso. Desde o último dia 16/9, o processo de eleição de delegados será organizado dentro das escolas, demarcando o fim das etapas estaduais que não serão mais realizadas.

Trecho da resolução que convocou o congresso aponta a permanente necessidade de dinamizar o diálogo com os estudantes. “Assim convocamos o 40º Congresso da UBES, em meio à efervescência da juventude e mudanças importantes no Brasil. Nosso desafio é construir o maior congresso da história da entidade, invadir as escolas de cada canto desse país, em defesa da educação pública, da Nova Escola e de um Brasil justo, democrático com a cara e o pulso indignado da juventude”.

Para presidenta da UBES, Manuela Braga, a mudança do processo eleitoral amplia significativamente a participação direta dos estudantes nas ações da entidade. “A partir deste momento, ampliamos ainda mais o espaço de participativo da UBES, agora, os estudantes terão ainda mais representatividade votando diretamente nas decisões”, comenta. “Aos seus 65 anos, a UBES mostra que seu combustível vem dessa juventude latente por participação nas mudanças, vem vindo aí o maior congresso da nossa história”.

Bandeiras pela mudança no currículo e no planejamento das aulas, gestão democrática nas escolas, contra homofobia e as lutas unificadas pela universalização do ensino vislumbram um cenário nacional de mobilização rumo ao Conubes. Entre as pautas, a valorização dos professores, acesso e permanência com o passe livre estudantil figuraram em um mosaico unificado na organização estudantil que abre caminhos para o novo biênio da entidade.

União Brasileira dos Estudantes Secundaristas
UBES 2013. Todos os direitos reservados.