Ubes – União Brasileira dos Estudantes Secundaristas

Financiamento de empresas à campanhas pode estar perto do fim
11 de April de 2014
Curto Circuito da Juventude: Jovens participam de encontro para definir política cultural para a juventude
14 de April de 2014
Mostrar todos os posts

Nota da UMEAB denuncia Prefeitura de Búzios que desrespeita legitimidade estudantil

Ontem, (dia 09/04), nós da União Municipal Estudantes de Armação dos Búzios (UMEAB), estávamos presentes em frente ao gabinete do prefeito, acompanhados por alunos do Paulo Freire e por nossos companheiros de luta no movimento unificado, o SEPE Lagos e a ASFAB.

O movimento unificado estava com reunião marcada com o prefeito para o meio-dia (seria às 16h, mas foi adiantada por telefone), mas nós da UMEAB fomos impedidos de entrar, mesmo tendo um ofício protocolado pela prefeitura confirmando o recebimento do mesmo, onde havia assinatura das três entidades do movimento. Ficamos vários minutos discutindo com o secretário adjunto do gabinete do prefeito, que nos impedia de entrar por conta de nossa “legitimidade”.

Nós possuímos legitimidade sim, afinal fomos eleitos democraticamente, por meio de congresso estudantil municipal, congresso no qual o vice-prefeito e uma secretária estavam presentes, congresso no qual foi questionada pelos alunos a ausência do secretário de educação e do prefeito, congresso no qual um estatuto foi aprovado e uma diretoria eleita. Chega de tentar acabar com a organização dos alunos, é isso que o poder público está fazendo. Queremos ser ouvidos, temos nossas reivindicações, o movimento é unificado e não será enfraquecido. Estamos todos na luta, e quando a população entra em um jogo, é pra vencer. Estamos tentando medidas diplomáticas, estamos tentando dialogar, mas se isso não acontecer, Búzios vai parar.

Agradecemos muito pela fidelidade das outras entidades ao movimento unificado, que não fizeram a reunião sem nós, estudantes. E só entraram no gabinete para solicitar a nossa entrada. Não há palavras para descrever a espontaneidade de afeto que há entre nós. Estudantes abraçando a luta dos profissionais da educação, profissionais da educação abraçando a luta dos estudantes. Isso é movimento social, isso é união. Parabéns SEPE. Parabéns ASFAB.

Vale ressaltar que a UMEAB, logo após o término do ocorrido, se dirigiu ao Ministério Público e se informou sobre como denunciar o fato da Prefeitura não nos reconhecer, desrespeitando o artigo 5º do Estatuto da Juventude, e mesmo possuindo estatuto, diretoria, propostas aprovadas em congresso e carta de reconhecimento das entidades nacionais de representação estudantil (UNE e UBES) e entidades de representação estadual dos estudantes (UEE-RJ e UEES-RJ), reconhecendo a legitimidade da UMEAB quanto sua representação estudantil. Um ofício foi enviado supostamente ao SEPE avisando que a UMEAB não entraria, e o ofício foi recebido por uma funcionária da secretaria de educação (que não pertence ao SEPE).

Ressaltamos também que, segundo nosso estatuto, nós representamos estudantes da REDE MUNICIPAL, ESTUDANTES TÉCNICOS e UNIVERSITÁRIOS que residem no município, e também pós-graduandos.

Assista ao vídeo: Prefeito de Búzios não reconhece a UMEAB como representação dos estudantes da cidade

DIRETORIA DA UNIÃO MUNICIPAL ESTUDANTES DE ARMAÇÃO DOS BÚZIOS.